quarta-feira, 28 de junho de 2017

"Portugal " o A-330-300 que carrega a nova pintura TAP


O novo A-330-300 da TAP chama-se “Portugal”, tem uma pintura retro, ou seja, carrega as cores antigas e a emblemática antiga identidade da companhia, que foi utilizada pela primeira vez num avião Lockheed Super Constellation, que entrou ao serviço na TAP em Julho de 1955.


O A-330-300 “Portugal” efectuou uma passagem baixa no Aeroporto de Lisboa e no Aeroporto do Porto, precisamente nos dois aeroportos do País onde este avião de longo curso vai operar. Por questões operacionais, que se prendem com a posterior operação regular do avião, não foi possível estender estas passagens a outros pontos do País.


Com saída de Lisboa prevista para as 09h00, passagem pelo Aeroporto Sá Carneiro às 10h00 e chegada a Lisboa às 12h00. O voo sobrevoou a Foz, Cascais e a Ponte 25 de Abril.
No entanto o voo teve de se realizar um pouco mais cedo que o previsto, devido a restrições do espaço aéreo. A TAP pediu desculpa a todos os que pretendiam ver o “Portugal” em voo e não o puderam fazer devido a esta antecipação imprevista.



O avião “Portugal” vai agora realizar os voos normais da TAP e poderão em breve ter a oportunidade de o ver em aproximação ou a levantar voo de um aeroporto. O CannonTwo não queria deixar este momento sem o evidenciar perante a comunidade aeronáutica e damos os parabéns à TAP por esta iniciativa fantástica. Magnifica ideia, parabéns TAP.
Fotos e Fonte : TAP Portugal































































O novo A-330-300 da TAP chama-se “Portugal”, tem uma pintura retro, ou seja, carrega as cores antigas e a emblemática antiga identidade da companhia, que foi utilizada pela primeira vez num avião Lockheed Super Constellation, que entrou ao serviço na TAP em Julho de 1955.


O A-330-300 “Portugal” efectuou uma passagem baixa no Aeroporto de Lisboa e no Aeroporto do Porto, precisamente nos dois aeroportos do País onde este avião de longo curso vai operar. Por questões operacionais, que se prendem com a posterior operação regular do avião, não foi possível estender estas passagens a outros pontos do País.


Com saída de Lisboa prevista para as 09h00, passagem pelo Aeroporto Sá Carneiro às 10h00 e chegada a Lisboa às 12h00. O voo sobrevoou a Foz, Cascais e a Ponte 25 de Abril.
No entanto o voo teve de se realizar um pouco mais cedo que o previsto, devido a restrições do espaço aéreo. A TAP pediu desculpa a todos os que pretendiam ver o “Portugal” em voo e não o puderam fazer devido a esta antecipação imprevista.



O avião “Portugal” vai agora realizar os voos normais da TAP e poderão em breve ter a oportunidade de o ver em aproximação ou a levantar voo de um aeroporto. O CannonTwo não queria deixar este momento sem o evidenciar perante a comunidade aeronáutica e damos os parabéns à TAP por esta iniciativa fantástica. Magnifica ideia, parabéns TAP.
Fotos e Fonte : TAP Portugal






























































Sem comentários:

Publicar um comentário